#ShutUpAndTakeMyMoney · filme · listas · Livros · talento

7 Biografias Sensacionais

 

o_outro_lado_de_mim

Sinopse: “Sidney Sheldon é um dos maiores bestsellers de toda a história, com mais de 300 milhões de livros vendidos, em 51 idiomas e em mais de 180 países. Todos os 18 romances do autor alcançaram a Lista dos Mais Vendidos. Tais como: ‘O Outro Lado da Meia-noite’, ‘A Herdeira’, ‘A Ira dos Anjos’, ‘Juízo Final’, entre outros. Revelações sobre a vida do autor em Hollywood, ao lado de estrelas como Cary Grant, Marylin Monroe, Judy Garland, Frank Sinatra e Doris Day. Sheldon foi vencedor do Oscar com o filme ‘Solteirão Cobiçado’, além de criador da série mundialmente famosa ‘Jeannie é um Gênio’. Alguns detalhes sobre a vida pessoal do autor: a infância em Chicago, em um ambiente familiar instável com as constantes discussões dos pais; a revelação de ser portador da psicose maníaco-depressiva, e muito mais!”.

Biografia do sensacional Sidney Schechtel (nome de batismo). Eu comprei barato e com pressa em um sebo e só depois vi que se tratava de uma autobiografia. Foi uma gratíssima surpresa. A vida dele valeu mesmo a pena ser contada, e ainda tivemos o privilégio de ler pelas próprias palavras dele. Pena que Sheldon faleceu em 2007 :/

Segundo a wikipedia, ele já esteve (ou ainda está?) no Guiness como o “o escritor mais traduzido do mundo”.

É uma daqueles livros que não tenho coragem de me desfazer, qualquer hora vou lê-lo de novo. Merecia virar um filme. O nº 1 da minha lista de biografias. ^^

3096-dias-01

Sinopse: “Quando tinha apenas 10 anos, em 2 de Março de 1998, Natascha Kampusch foi sequestrada a caminho da escola. O sequestrador – o engenheiro de telecomunicações Wolfgang Priklopil – a manteve prisioneira em um cativeiro no porão durante 3.096 dias. Nesse período, ela foi submetida a todo tipo de abuso físico e psicológico. Nesta obra, Natascha fala abertamente sobre o sequestro, o período no cativeiro, seu relacionamento com o sequestrador e, sobretudo, como conseguiu escapar do inferno, possibilitando ao leitor uma compreensão dos processos de transformação psicológica pelos quais passa uma pessoa mantida em cativeiro.”

Eu li este livro pelo whattpad. Caramba, fiquei chocada. Eu não consigo imaginar o sentimento de ficar mais de 8 anos em cativeiro. Pior ainda que foi uma parte da infância e adolescência. Que história dolorosa… E no livro ela deve ter deixado alguns horrores de fora, provavelmente não narrou tudo de ruim que aconteceu consigo. Não tem como não valorizar mais a vida após uma leitura dessa.

A história virou filme (que pra variar, eu não vi rs).

E tem vários vídeos no Youtube com reportagens e entrevistas com Natascha.

 

malala

Sinopse: “Quando o Talibã tomou controle do vale do Swat, uma menina levantou a voz. Malala Yousafzai recusou-se a permanecer em silêncio e lutou pelo seu direito à educação. Mas em 9 de outubro de 2012, uma terça-feira, ela quase pagou o preço com a vida.
Malala foi atingida na cabeça por um tiro à queima-roupa dentro do ônibus no qual voltava da escola. Poucos acreditaram que ela sobreviveria.
Mas a recuperação milagrosa de Malala a levou em uma viagem extraordinária de um vale remoto no norte do Paquistão para as salas das Nações Unidas em Nova York. Aos dezesseis anos, ela se tornou um símbolo global de protesto pacífico e a candidata mais jovem da história a receber o Prêmio Nobel da Paz.
Eu sou Malala é a história de uma família exilada pelo terrorismo global, da luta pelo direito à educação feminina e dos obstáculos à valorização da mulher em uma sociedade que valoriza filhos homens.
O livro acompanha a infância da garota no Paquistão, os primeiros anos de vida escolar, as asperezas da vida numa região marcada pela desigualdade social, as belezas do deserto e as trevas da vida sob o Talibã.
Escrito em parceria com a jornalista britânica Christina Lamb, este livro é uma janela para a singularidade poderosa de uma menina cheia de brio e talento, mas também para um universo religioso e cultural cheio de interdições e particularidades, muitas vezes incompreendido pelo Ocidente.
“Sentar numa cadeira, ler meus livros rodeada pelos meus amigos é um direito meu”, ela diz numa das últimas passagens do livro. A história de Malala renova a crença na capacidade de uma pessoa de inspirar e modificar o mundo.”

Comprei este livro recém lançado, então confesso que não lembro os pormenores da história, mas sei que gostei muito. É a uma autobiografia muito bem escrita. Lembro-me de até ter ficado com vontade de conhecer a cidade natal de Malala, sobre a qual ela narra com carinho e adminiração.

Desde o atentado Malala tem ganhado muito destaque na mídia e foi a pessoa mais nova a ganhar o Prêmio Nobel da Paz, em 2014.

Sumário e trecho do livro aqui, no site da Editora Companhia das Letras.

E tem documentário sobre ela!

paulocapa

Sinopse: “A incrível história de Paulo Coelho, o menino que nasceu morto, flertou com o suicídio, sofreu em manicômios, mergulhou nas drogas, experimentou diversas formas de sexo, encontrou-se com o diabo, foi preso pela ditadura, ajudou a revolucionar o rock brasileiro, redescobriu a fé e se transformou em um dos escritores mais lidos do mundo. Fernando Morais, o autor que ajudou a fundar a biografia como gênero literário no Brasil, volta sua verve investigativa para o personagem brasileiro que se converteu no grande mito de nossa história recente: Paulo Coelho – um escritor universal que alcançou a astronômica marca de 100 milhões de livros vendidos e a façanha de ser o autor vivo mais traduzido de todo o Planeta. “O Mago” é a eletrizante trajetória do popstar requestado por príncipes, xeiques, rainhas e presidentes. Uma história com que nem os roteiristas mais criativos seriam capazes de sonhar.”

Fiquei atrás deste livro desde que soube de seu lançamento, mas não estava afim de pagar os 50 reais cobrados. Até que o achei por acaso em uma pequena feira de livros por 10 ou 15 reais! Apesar de não estar na lista de mais vendidos como os livros do biografado, é muito bom! Principalmente pra quem é aspirante a escritor(a), como eu. É um obra que também não me desfaço (será que tô virando uma apegada?)

girlboss capa

Sinopse: “Sophia Amoruso passou a adolescência viajando de carona, furtando em lojas e revirando caçambas de lixo. Aos 22 anos ela havia se conformado em ter um emprego, mas ainda estava sem grana, sem rumo e fazendo um trabalho medíocre que assumiu por causa do seguro-saúde. Foi aí que Sophia decidiu começar a vender roupas de brechó no eBay. Oito anos depois, ela é a fundadora, CEO e diretora criativa da Nasty Gal, uma loja virtual de mais de 100 milhões de dólares, com mais de 350 funcionários. Além da história de Sophia, o livro cobre vários outros assuntos e prova que ser bem-sucedido não tem nada a ver com a sua popularidade; o sucesso tem mais a ver com confiar nos seus instintos e seguir a sua intuição. Uma história inspiradora para qualquer pessoa em busca do seu próprio caminho para o sucesso.”

Este livro é unanimidade, não vi uma crítica contra-indicando a leitura. Um dos melhores livros que li em 2016. Adorei! Virou série, alçou Sophia ao status de celebridade e ela já está escrevendo outro! Ansiedade!

E tem ainda uma reviravolta: depois do lançamento do livro a Nasty Gal faliu e Sophia deixou de ser a CEO da própria empresa! Babado!

download (2)

Sinopse: “Aos 22 anos, Cheryl Strayed achou que tivesse perdido tudo. Após a repentina morte da mãe, a família se distanciou e seu casamento desmoronou. Quatro anos depois, aos 26 anos, sem nada a perder, tomou a decisão mais impulsiva da vida: caminhar 1.770 quilômetros da Pacific Crest Trail (PCT) – trilha que atravessa a costa oeste dos Estados Unidos, do deserto de Mojave, através da Califórnia e do Oregon, em direção ao estado de Washington – sem qualquer companhia. Cheryl não tinha experiência em caminhadas de longa distância e a trilha era bem mais que uma linha num mapa. Em sua caminhada solitária, ela se deparou com ursos, cascavéis e pumas ferozes e sofreu todo tipo de privação.
Em Livre, a autora conta como enfrentou, além da exaustão, do frio, do calor, da monotonia, da dor, da sede e da fome, outros fantasmas que a assombravam. “Todo processo de transformação pessoal depende de entrega e aceitação”, afirma. Seu relato captura a agonia, tanto física quanto mental, de sua incrível jornada; como a enlouqueceu e a assustou e como, principalmente, a fortaleceu. 
O livro traz uma história de sobrevivência e redenção: um retrato pungente do que a vida tem de pior e, acima de tudo, de melhor.”

Este livro narra a trilha de quase 2 mil km que a autora fez a pé intercalando com vários fatos da sua vida. Não foi o melhor livro que li, mas valeu a pena tê-lo lido. Tem aventura, romance, vergonha alheia, coragem, superação, alegria e tristeza. Eu gostei.

 E tem filme, protagonizado pela Reese Witherspoon!

Capa O Ano em que disse sim MF.indd

Sinopse: “Um livro motivador da aclamada e premiada criadora e produtora executiva dos sucessos televisivos Grey’s Anatomy, Private Practice e Scandal, e produtora executiva de How to Get Away with Murder.
Você nunca diz sim para nada. Foram essas seis palavras, ditas pela irmã de Shonda durante uma ceia de Ação de Graças, que levaram a autora a repensar a maneira como estava levando sua vida. Apesar da timidez e introversão, Shonda decidiu encarar o desafio de passar um ano dizendo “sim” para as oportunidades que surgiam. Os “sins” iam desde cuidar melhor de sua saúde até aceitar convites para participar de talk shows e discursos em público. Além disso, Shonda deu um difícil passo: dizer sim ao amor próprio e ao seu empoderamento. Em O Ano em que disse sim, Shonda Rhimes relata, com muito bom humor, os detalhes sobre sua vida pessoal, profissional e como mergulhar de cabeça no “Ano do Sim” transformou ambas e oferece ao leitor a motivação necessária para fazer o mesmo em sua vida.”

Um dos melhores livros que li em 2017: divertido, inspirador e leve. Especialmente bacana pra pessoas criativas e que gostam de escrever. Virei fã da Shonda, mesmo não assistindo às séries que ela escreve.

Gostaram das indicações? ^^

beijíneos,

Gabriela

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s